Como criar negócios de R$1.000 a R$10.000 MRR com Serviços Produtizados

Como usar Serviços Produtizados para criar negócios de até R$10.000 MRR

Bruno Okamoto
14 Min de leitura
Como criar negócios de R$1.000 a R$10.000 MRR com Serviços Produtizados

O que são Serviços Produtizados?

Hubify – Estudo de caso brasileiro

O “Serviço Produtizado” é um processo em que há o agrupamento do seu serviço em forma de um produto, por um preço fixo e com um resultado garantido. No Brasil inclusive é bom comum ver isso com várias startups e pequenas empresas digitais, como agências de marketing e freelancers de copywriting.

Resumidamente, você se compromete a realizar um serviço em um tempo determinado (podem ser horas, dias, meses) ou você se compromete a realizar um serviço ou uma tarefa por um preço específico, sem que seja realizada a cobrança por hora trabalhada. Então, isso não é exatamente um Micro-Saas, uma vez que você não está entregando um software, entretanto, é um pequeno negócio por meio do qual você tem uma receita recorrente. Mas você também pode entregar esse serviço através de um software, nada o impede de fazer isso. Os casos de sucesso em negócios desenvolvidos em torno de serviços, sempre tem algum nível de automatização para conseguir entregar o serviço para mais pessoas sem aumentar o tempo alocado.

Quer participar da primeira e maior comunidade de Micro-SaaS do Brasil?

  • Conheça todas as novidades do mercado
  •  Faça networking
  •  Troque informações e conhecimento com profissionais de tecnologia, marketing e negócios

 Junte-se a mais de 5.000 profissionais em nossa Comunidade de Micro-SaaS BrasilConheça aquiÉ Grátis!

Vamos ver alguns dos empreendedores que estão fazendo milhares de reais com os “Serviços Produtizados”. Cabe destacar que alguns desses empreendedores estão fazendo isso com uma equipe formada por apenas uma pessoa. Então, sim, isso é possível.

Importante: todo estudo de caso é feito com estudos de empresas americanas pela facilidade de mapeá-las – o foco está na ideia e não no mercado

DesignJoy: Uma agência de design diferenciada. Assinaturas de profissionais de design ilimitados para escalar o seu negócio.

DesignDash: Assinaturas ilimitadas de web design para Startups em fase de crescimento. Faça solicitações e peça revisões de serviços de web design de forma ilimitada, sem cobranças por hora e sem precisar de contratos caros, podendo cancelar a qualquer momento.

DraftDev: Conteúdo técnico sobre marketing para Startups de software por um custo mensal fixo. O DraftDev cria posts de blogs e tutoriais para atingir desenvolvedores de software, por um custo mensal fixo.

ManyPixels: Tenha sua equipe de design gráfico com apenas alguns cliques. Seu serviço de design gráfico ilimitado, sob demanda, por um custo mensal fixo.

HelpfulDocs: A equipe da HelpfulDocs escreve e atualiza o conteúdo que seus usuários precisam, sejam eles base de conhecimentos, artigos, FAQs, alterações de logs, atualizações de produtos, guias de integração, e outros, por um custo mensal fixo.

GetRhys: Seu consultor de marketing de Saas sob demanda. Um consultor de marketing de SaaS conforme sua demanda, com qualificação e experiência, pronto para resolver seus gargalos importantes de marketing, por apenas US$395 por mês.

Kimp: Designs gráfico e de vídeo ilimitados. Taxas mensais fixas.

Penji: Contratar um designer precisa ser algo simples. Projetos de design ilimitados, com retorno rápido e mensalidade fixa.

DesignPickle: Deixe o DesignPickle lidar com todas as suas demandas de design criativo por um preço muito menor do que o custo tradicional de serviços de design gráfico.

Draftss: Design gráfico, web design e WordPress ilimitados. Design de Webflow por um custo fixo semanal ou mensal.

Kapa99: Projetos de design gráfico ilimitados. Revisões ilimitadas. Uma taxa fixa, a partir de US$249 por mês.

HatOfWizards: Assistentes de SaaS, sob demanda, por apenas US$795 por mês. Tenha acesso a especialistas em marketing, tráfego pago, SEO e conversão, por um custo mensal fixo.

DesignTork: Crie qualquer coisa e impressione a todos com designs ilimitados do DesignTork. Tudo isso por um custo mensal fixo.

GraphicsZoo: Taxa mensal fixa de designs gráficos. Não há necessidade de contratar designers gráficos internos para a empresa.

Gatsboy: Design e manutenção de sites por um custo mensal fixo.

HiScribble: Equipe de criação de conteúdos de marketing para escrever e fazer com que seu blog cresça, a partir de US$ 250 por mês.

AudienceOps: Aumente seu público, sua lista de e-mail, sua base de clientes com conteúdo feito para você pela AudicenceOps, por um custo mensal fixo.

Scribly: Scribly.io é uma agência de marketing que oferece serviços de marketing de conteúdo escaláveis para todos os tipos de empresa. Impulsione seu tráfego e gere leads, por uma simples taxa mensal, sem contratos, contratação ou problemas.

RipplePop: Tenha seu próprio desenvolvedor de WordPress para tarefas diárias e projetos do WordPress, por um custo mensal fixo.

WPBuffs: Serviços de manutenção e suporte de sites WordPress, 24/7, que impulsionam o crescimento digital, por um preço fixo.

Castos: Serviço de edição de podcasts por um custo mensal fixo.

Podigy: Edições e configurações de podcasts. Preço fixo por episódio/podcast, sem compromissos.

99dollarSocial: Conteúdo atualizado para sua mídia social, 7 dias na semana, 365 dias por ano, por um preço baixo: somente US$99 por mês.

ZenKeep: ZenKeep cuida da contabilidade e da folha de pagamento de sua empresa, por com cobranças mensais fixas.

TryCatalog: Um estúdio de serviços de design completo, que oferece serviços de design ilimitados por uma taxa mensal fixa.

Dúvidas frequentes sobre o modelo de negócio de Serviços Produtizados

Por que os clientes não usam sites de freelancers como o UpWork?

R: Leva muito tempo postar projetos no UpWork (ou em outros sites de freelancing), entrevistar candidatos, pagar. A vantagem de um modelo de “Serviço Produtizado” é que os clientes não ficam amarrados a um contrato de projetos complexo, podendo avaliar os custos continuamente, de forma fácil, uma vez que pagam um valor fixo todos os meses. Considerando que você não estará faturando por hora, o cliente não precisa se preocupar com o valor a ser cobrado no final.

Se eu começar com o meu “Serviço Produtizado”, eu não estarei oferecendo mais por menos, já que a maioria dos serviços ofertados são “ilimitados”? Qual é o truque?

R: Ainda que a maioria dos “Serviços Produtizados” indiquem os serviços como “ilimitados”, na maioria dos casos a entrega final é limitada, por exemplo, 5 posts de blogs por mês, 12 designs por mês, 10 serviços de manutenção por trimestre, etc. Para essas entregas, os clientes podem solicitar revisões com tempo de retorno de 1 a 2 dias. Além disso, a maioria dos serviços exige que haja apenas uma solicitação de serviço ativa em andamento, enquanto as outras solicitações serão incluídas na fila de serviços. Com base nisso, você garante o direito de recusar aquele “cliente problemático” se ele não entender isso.

Eu não consigo ganhar mais dinheiro como freelancer?

R: Provavelmente, sim. Mas existe um problema com o modelo de trabalho freelancer, que é passar a maior parte do tempo enviando propostas enquanto você trabalha em diversos pequenos projetos. Ao contrário disso, no modelo de “Serviço Produtizado”, os clientes vão até você. Ao longo do tempo, você poderá ter bons contatos com bons clientes. O primeiro cliente é o mais difícil de conseguir, mas, assim que você passa a ser reconhecido, fica relativamente mais fácil conseguir novos clientes. O trabalho com “Serviço Produtizado” está relacionado à receita recorrente e à movimentação de dinheiro, enquanto o freelancing está relacionado ao pagamento único por um determinado trabalho.

A maioria das pessoas pensa e se pergunta como alguém pode oferecer serviços ilimitados e, ainda assim, cobrar um preço fixo mensal para isso. A sacada é simples – na maioria dos casos, somente uma das suas solicitações será realizada em um período de retorno de 3 a 4 dias. Durante esse tempo, o cliente ainda pode incluir uma solicitação na lista. Então, tecnicamente, o máximo de solicitações que pode ser entregue, neste caso, é somente 7 por mês, considerando o tempo de retorno de 4 dias. A maioria dos “Serviços Produtizados” cobra de centenas a milhares de dólares, considerando o tempo gasto para realização. 

Serviços como esses nem sempre são cobrados por mês. Alguns cobram por episódio, por site, por design, entre outros. A questão é não cobrar por hora e, com isso, fazer com que o cliente não se preocupe com as cobranças no final do serviço.

Além disso, observe que esses serviços cobram um valor alto. Por exemplo, o DraftDav cobra US$4.8k por mês por cliente. O DesignJoy cobra US$2.5k por mês. O DesignDash cobra US$1.6k por mês. Com preços como esses, tudo o que você precisa é de 4 a 5 clientes para chegar em uma receita anual de US$100k. Se você consegue ter um bom reconhecimento online e um bom número de profissionais integrados, não fica difícil. Se você tem uma rede de contatos, mas não tem habilidades e tempo para finalizar as tarefas, obtenha um recurso que possa ser pago por cliente ou por projeto.

Nichos que podem ser transformados em Serviço Produtizado

  • Desenvolvimento e suporte para WordPress ilimitado: Crie um serviço de desenvolvimento e suporte para WordPress ilimitado. Ainda que seja “ilimitado”, mencione o tempo de retorno de 3 a 4 dias para que o número máximo de solicitações não passe de 6 a 7. Você pode cobrar mensalmente, semanalmente ou trimestralmente. Você também pode determinar o preço com base no número de sites.
  • Design gráfico ilimitado: Essa é outra categoria que está se tornando muito popular. A maioria dos empreendedores, como DesignJoy e DesignDash, estão cobrando US$2k por mês e, com esse preço, tudo o que você precisa são 5 clientes para chegar em uma receita de US$100k. A maioria dos clientes que precisam de design gráfico podem estar interessados em outros serviços, como desenvolvimento web. Se você tiver largura de banda e recursos suficientes, junte o design gráfico e o desenvolvimento web em um pacote e proponha isso aos clientes. Entretanto, o DesignJoy pode causar muita pressão se você estiver lidando com muitos clientes. Aponte para a qualidade, foque em um número pequeno de clientes, e deixe outros clientes na lista de espera. Se a lista de espera continuar aumentando, coloque alguém para trabalhar com você, mas nunca comprometa a qualidade da produção e a sua saúde mental.
  • Desenvolvimento web ilimitado: Desenvolvimento web é sempre uma demanda que vai existir, não importa quanto os serviços sejam automatizados. Crie um pequeno negócio em torno do “desenvolvimento web por um preço fixo”. Tenha cuidado com o que você oferece. Às vezes, o desenvolvimento web é amplo, com variadas tecnologias. Esclareça a respeito do que você faz, e integre clientes manualmente quando entender que se encaixam a sua proposta. Você também pode classificar os serviços em desenvolvimento front-end e desenvolvimento back-end, e então fornecer diferentes preços.
  • Desenvolvimento Shopify: As lojas de e-commerce estão em ascensão. Muitas agências estão trabalhando exclusivamente no desenvolvimento de Shopfy. Se você puder criar um negócio em torno do Shopfy, com um pacote de custo mensal fixo para o cliente, será uma boa alternativa para a maioria dos fundadores de e-commerce. Você pode estender isso para outras plataformas, como Magento, Woocommerce e Prestashop.
  • Desenvolvimento e suporte de nuvem: As nuvens estão crescendo em um ritmo extraordinário, e todos estão se adaptando a essa realidade. Oferecer um número fixo de horas disponíveis para desenvolvimento e suporte de nuvem por mês pode ser uma ótima opção. Em comparação a outras tecnologias, você pode cobrar um pouco mais para o desenvolvimento da nuvem. Você pode expandir, e criar diversos tipos desse modelo para oferecer suporte a todas as plataformas de nuvem, como AWS, GCP, Azure, ou então um modelo de suporte multi-nuvens. Serviços como esses geralmente cobram por volta de US$5k por mês.

Compartilhe este artigo